Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 13 de novembro de 2018

LAMA ASFÁLTICA

Proteco vai demitir mais 27 funcionários nordestinos

Empresa irá manter apenas trabalhadores da Capital até saber que rumo tomará

7 AGO 2015Por GABRIEL MAYMONE16h:01

A Proteco, subcontratada da Egelte na construção do Aquário do Pantanal e que teve seu contrato suspenso pelo governo de Mato Grosso do Sul depois de ser apontada pela Polícia Federal no envolvimento do esquema de fraude em licitações e superfaturamento de preços, já dispensou 8 dos operários do Nordeste que trabalhavam em Campo Grande e deverá dispensar mais 27 no dia 17 de agosto.

A empresa, no entanto, permanecerá com quadro em torno de 60 trabalhadores residentes na Capital, até saber que rumo tomará. A informação é de José Abelha Neto, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil e do Mobiliário de Campo Grande – Sintracom/CG.

“Temos acompanhado de perto para evitar que os trabalhadores sejam lesados nos seus direitos”, afirmou o sindicalista que conta com a retomada das obras para geração de emprego na cidade.

Abelha Neto informou que os operários que serão dispensados na segunda-feira (17) também são nordestinos. As rescisões serão feitas com a supervisão do Sintracom, assim como foi feito com os que já partiram para o nordeste.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também