Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Danos morais

Cliente agredida por caixa de supermercado será indenizada em R$ 3,9 mil

Mulher levou tapa depois de reclamar da demora no atendimento do Walmart na Capital

24 AGO 15 - 18h:50Glaucea Vaccari

O juiz titular da 14ª Vara Cível de Campo Grande, Fábio Possik Salamene, condenou uma funcionária do supermercado Walmart ao pagamento de R$ 3.940 de indenização à uma cliente agredida por ela em Campo Grande.

De acordo com o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS), no dia 21 de agosto de 2010 a cliente estava na fila do supermercado e começou a reclamar da demora no atendimento com a acusada, que trabalhava no caixa. A funcionária se irritou e começou a insultar a cliente, além de lhe dar um tapa no rosto.

A cliente entrou com ação por danos morais afirmando que várias outras pessoas que estavam na fila teriam rido da situação. Em sua defesa, a funcionária alegou que a mulher estava descontrolada e tentou agredi-la e pediu a condenação da mulher a indenizá-la.

O juiz analisou que as agressões verbais foram mútuas e não se pode definir com segurança quem começou a discussão. Porém, o magistrado considerou que em depoimento, a acusada admitiu que pode ter acertado o rosto da vítima com sua sua carteira, reforçando a agressão física relatada pela cliente.

Dessa forma, ele considerou que apesar das injúrias de ambas as partes, a agressão configura o delito de injúria real e que a conduta da mulher causou dano moral à cliente.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Acordo que limita voos para a Argentina pode ser revisto
TURISMO

Acordo que limita voos para a Argentina pode ser revisto

Homem é preso em flagrante com 50 munições calibre 22
ANASTÁCIO

Homem é preso em flagrante com 50 munições calibre 22

Diesel fecha semana com alta de 1,4% em Mato Grosso do Sul, diz ANP
COMBUSTÍVEIS

Diesel fecha semana com alta de 1,4% em Mato Grosso do Sul, diz ANP

Ex-militar pode ter sido agredido <br> em outro local, diz polícia
HOMICÍDIO DOLOSO

Ex-militar pode ter sido espancado em outro local

Mais Lidas