Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Praça do Rádio

Cerca de 1,5 mil pessoas
se reúnem na Capital em
ato contra corrupção

Alguns grupos aproveitam para manifestar sua indignação contra o prefeito Gilmar Olarte

16 AGO 15 - 15h:45VÂNYA SANTOS E KLEBER CLAJUS

São cerca de 1,5 mil pessoas, de acordo com a Polícia Militar (PM), que ocupam a Praça do Rádio Clube, em Campo Grande, na tarde deste domingo (16) para protestar contra a corrupção no Brasil e pela saída da presidente Dilma Rousseff (PT).

Fabrícia Tales, uma das organizadoras do movimento popular Pátria Livre, pontuou que a escolha por concentrar a manifestação ocorreu depois de enquete feita na página do movimento, no Facebook, e também por orientação da Aliança Nacional dos Movimentos Democráticos, composto por 50 grupos de rua com pautas de revindicações semelhantes.

Ainda que o foco seja apenas de casos de corrupção envolvendo o alto escalão do governo federal, alguns grupos aproveitam para manifestar sua indignação contra o prefeito Gilmar Olarte (PP) e os investigados na Operação Lama Asfáltica. É o caso do mestre de obras, Gentil Pereira, 57 anos. “Gritamos fora corrupção porque aqui está igual Brasília, Com isso, o movimento ao menos intimida os políticos a tomar uma atitude, assim como na época do Collor com os caras pintadas”.

Manifestantes montaram na Praça do Rádio duas celas e uma forca. Atrás das grades estão o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff. Dentre os detalhes, nas paredes, estão certificados como sendo do “Ministério de Corrupção de Cuba”, além de referências a frase “mulher sapiens”, utilizada em discurso recente da presidente.

Na forca, o cidadão expressa sua indignação com temas como a conta de luz, pendurada no pescoço do auxiliar administrativo Caio Sérgio Santana, 22 anos. “Tirar a Dilma não é final da solução, mas o primeiro passo. O PT está nos enforcando com os impostos”, reclamou.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mulher fica ferida em acidente <BR>entre carro e moto na Capital
TRÂNSITO

Mulher fica ferida em acidente entre carro e moto na Capital

Uber afirma que projeto de lei da prefeitura é inconstitucional
REGRAS

Uber afirma que projeto de lei da prefeitura é inconstitucional

Motorista que atropelou boi na pista receberá indenização e pensão
JUSTIÇA

Motorista que atropelou boi
na pista receberá indenização

Suspeito de tentativa de assalto <br>é morto durante troca de tiros
ANHANDUÍ

Suspeito de tentativa de roubo é morto em troca de tiros

Mais Lidas