Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

IMUNIZAÇÃO

Capital enfrenta falta de vacina contra meningite

12 AGO 18 - 08h:36LUANA RODRIGUES

Campo Grande pode ficar com os estoques de vacinas contra meningite zerados nos próximos dias. A Capital enfrenta baixo quantitativo da vacina meningocócica C, pois o Ministério da Saúde distribuiu apenas 36% do total previsto para o mês de agosto. Algumas unidades já enfrentam o desabastecimento do medicamento.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau), todas as vacinas aplicadas nas unidades básicas de saúde são fornecidas pelo órgão federal, que informou a redução por meio de nota técnica. 

“A Sesau solicita, quinzenalmente, 2,5 mil doses desta vacina para atender à demanda do período, porém, na última remessa, foram enviadas apenas 800 doses”, informou a secretaria. 

Conforme o órgão federal, a vacina estava sendo distribuída aos estados, porém, de forma reduzida, em razão de atrasos na entrega pelo laboratório produtor, a Fundação Ezequiel Dias. No entanto, segundo a Sesau, até agora, o Ministério da Saúde não informou sobre a reposição.

A vacina faz parte do Calendário Nacional, sendo administrada entre 3 e 5 meses, com reforço aos 12 meses. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Empréstimo de R$ 25 milhões pode financiar modernização do fisco
CAMPO GRANDE

Empréstimo de R$ 25 milhões pode financiar modernização do fisco

Consórcio só renovará frota <br>se houver reequilíbrio de contrato
FROTA VELHA

Consórcio Guaicurus pede
para renegociar contrato

Câmara e Assembleia iniciam debates por segurança em escolas
SEGURANÇA PÚBLICA

Câmara e Assembleia debatem segurança em escolas

MS pode ter R$ 181 milhões <br>com antecipação do pré-sal
DIA DECISIVO

MS pode ter R$ 181 milhões com antecipação do pré-sal

Mais Lidas