Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 20 de novembro de 2018

Jardim dos Estados

Briga no trânsito envolvendo delegado termina na sede da Polícia Federal

Dupla autuada por desacato e crime de trânsito estaria embriagada

24 JUN 2017Por Natália Yahn11h:42

Briga no trânsito envolvendo o delegado da Polícia Federal (PF), Fabrício Blini, e dois homens não identificados terminou com registro do caso na sede do órgão, em Campo Grande. Em nota, a PF informou que o delegado retornava para casa após procedimentos relativos a apreensão de 288 quilos de maconha quando “se deparou” com veículo conduzido por dois homens “em visível estado de embriaguez”. A confusão aconteceu na Rua Euclides da Cunha no cruzamento com a Rua Espírito Santo, no Jardim dos Estados, bairro nobre da Capital.

O delegado abordou ambos, que teriam ofendido Blini e, com a intenção de “dominá-lo”, por isso ele teria efetuado um disparo de advertência para o chão. O tiro conteve os dois homens, que foram conduzidos pela Polícia Militar para a superintendência da PF, onde foram registrados flagrantes de crime de trânsito e desacato.

O caso no qual Blini atuava era relativo a operação conjunta da PF e do Serviço Reservado da Polícia Militar, na BR-163, em frente ao posto da PRF no KM 21, onde foram apreendidos 288 quilos de maconha, que eram transportados por um homem de 30 anos. 

A droga estava escondida em meio a uma carga de açúcar numa carreta. Todo o carregamento, de açúcar e a droga, seria entregues na cidade de Santos, no litoral de São Paulo. O motorista foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e encaminhado sede da PF à disposição da Justiça.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também