Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 20 de novembro de 2018

atiraram na vítima

Assalto a caminhoneiro começou
com falso frete no Ramez Tebet

Policiamento aéreo da Polícia Militar auxiliou na prisão dos suspeitos

28 JUN 2017Por MARIANE CHIANEZI e GLAUCEA VACCARI18h:00

Israel Rodrigues Lopes, de 23 anos, e Altiele Ribeiro do Nascimento, de 24, foram presos hoje, minutos depois de roubarem caminhão após aplicarem o golpe do “falso frete” a um motorista de caminhão, identificado como José Aparecido dos Santos, de 50 anos.

A primeira informação que a polícia recebeu é que a vítima tinha sido jogada do veículo, mas os suspeitos negaram e disseram que o motorista pulou.

Conforme o tenente coronel Gimenez, do Grupamento de Policiamento Aéreo da Polícia Militar, a equipe estava de prontidão e através do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) recebeu a informação da ocorrência. Patrulhamento chegou em 3 minutos, saindo do Aeroporto Internacional de Campo Grande até o local do roubo.

O caminhão foi abandonado nas proximidades de onde a vítima foi encontrada e criminosos fugiram por uma mata. Helicóptero da PM localizou os suspeitos entrando em uma residência e informaram às equipes da Força Tática do 10º Batalhão, a viaturas da Polícia Militar do Aero Rancho e à Polícia Civil.

Os bandidos foram presos e confessaram o crime. Aos policiais, disseram que contrataram o frete e iniciaram o carreto no bairro Ramez Tebet. Quando chegaram na Rua Delegado Alfredo Hadman, anunciaram o roubo e motorista reagiu.

Os suspeitos do crime, que teriam extensa ficha criminal conforme divulgou a PM e tinham fugido da prisão, confirmaram que atiraram contra a vítima no interior do veículo. Entretanto, socorristas do Corpo de Bombeiros não identificaram nenhum ferimento de tiro no motorista. 

Um revólver calibre .38 foi apreendido, além da carteira e celular da vítima, que foram recuperados.

Vítima teve fratura na perna e traumatismo crânio encefálico, que teriam sido provocados pela queda do veículo. Ele foi encaminhado para a Santa Casa, inconsciente, em estado grave.

 
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Vista aérea da PM - Divulgação/GPA
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
  • Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também