Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

MEIO AMBIENTE

Árvores do canteiro central da Afonso Pena passam por ações de manejo

São 43 espécies que necessitavam de algum tipo de intervenção

9 OUT 2017Por MARIANE CHIANEZI18h:52

As árvores do canteiro central da Avenida Afonso Pena, em Campo Grande, estão recebendo ações de manejo e tratamento envolvendo podas, remoção de galhos, plantio, controle de pragas e, em alguns casos, as plantas estão recebendo técnica de recuperação.

A ação é realizada pela Prefeitura da Capital, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur), com o acompanhamento da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran).

Atualmente, as árvores do canteiro próximas ao cruzamento com a Rua Padre João Crippa estão passando pelo procedimento. No local, os técnicos avaliaram que as raízes das plantas já teriam se fixado no solo, não havendo mais a necessidade de escorar ao redor.

No total, foram avaliadas 43 espécies que necessitavam de algum tipo de intervenção, dessas, 19 estavam localizadas na Avenida Mato Grosso – entre a Rua Pedro Celestino e Calógeras -, onde o trabalho já foi finalizado. Outras 23 estão no canteiro da Avenida Afonso Pena – entre a Rua José Antônio e Avenida Calógeras, além de uma na Praça do Rádio.

“Entendermos a importância desse serviço, uma vez que são árvores consideradas centenárias, de relevância histórica e cultural para a cidade e que necessitam de um cuidado maior, além de estarem localizadas em vias de grande fluxo”, disse o secretário municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, José Marcos da Fonseca.

SERVIÇO

Os moradores que desejarem realizar o plantio de espécie adequada às vias públicas podem entrar em contato com a Gerência de Arborização, pelo telefone (67) 3314-3153.

Já serviços de poda e remoção, a orientação é que o solicitante compareça pessoalmente, munido do documento de identificação e comprovante de residência (original e cópia), até a Central de Atendimento ao Cidadão (CAC), onde deverá se dirigir até o Protocolo Geral para solicitar a abertura de processo referente à Poda/Remoção de Árvore. O local fica na Rua Marechal Cândido Mariano Rondon, 2655, no Centro.

Após este procedimento, a pessoa será encaminhada à Semadur para que o fiscal realize a fiscalização e seja emitido o laudo de vistoria. Somente após o laudo expedido pelo agente fiscal o munícipe será autorizado ou não a realizar a poda ou a remoção da árvore.

Leia Também