Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

igual a Via Park

Prefeitura estuda semáforos em
cruzamento perigoso da Capital

Gury Marques com Interlagos tem média de 7,2 mil veículos/hora

15 AGO 17 - 19h:01GLAUCEA VACCARI E TAINÁ JARA

A Prefeitura de Campo Grande vai iniciar estudos técnicos para obra de readequação no trânsito na rotatória entre as Avenidas Gury Marques com a Interlagos, conhecida como rotatória da Coca-Cola, com implantação de semafóros.

Anúncio foi feito hoje pelo prefeito Marcos Trad (PSD), durante agenda pública.

Levantamento feito pela Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) no ano passado identificou este cruzamento como um dos mais perigosos da Capital.

O pico chega a registrar 120 carros passando no local por minuto, dando uma média de 7,2 mil veículos por hora.

Segundo o prefeito, objetivo é fazer o mesmo tipo de trabalho que foi feito na rotatória das avenidas Mato Grosso e Nely Martins, a Via Parque. Contudo, não há prazo para início dos trabalhos, visto que a princípio só está confirmado o estudo técnico e a prefeitura ainda irá atrás de recursos. Dessa forma, viaduto, previsto desde 2010, não será concretizado.

No trecho da rotatória da Via Park, que será inaugurado amanhã, foram feitas a redução da circunferência da rotatória, aumento da largura das pistas e implantação de "semáforos inteligentes" e sinalização.

Marcos Trad disse que ontem o semáforo foi testado no horário de pico e a fluidez no trânsito melhorou bastante. Ainda segundo o prefeito, é necessária adesão dos motoristas, porque esta é a primeira rotatória com semáforo na cidade e poderá gerar dúvidas aos condutores.

O diretor da Agetran, Sidinei Oshiro, responsável pela área, explicou que o sistema para o fluxo de veículos poderá gerar dúvidas e confusão no início do funcionamento.

“É como se fosse um relógio, a abertura dos semáforos é calculada. Foi feita uma pesquisa de fluxo no local e, assim, os tempos vão abrindo, é tudo coordenado. Qualquer ação no trânsito, no início, a pessoa fica perdida, é natural até se acostumar com a ideia.”

CUSTO DA OBRA

Os serviços na rotatória da Via Park custaram R$ 1.623.015,50, sendo que os recursos foram do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Pesquisa mostra que 97% das mulheres já sofreram assédio em transporte

Nove são presos por suspeita de envolvimento com furto de cocaína em delegacia
INVESTIGAÇÃO EM SIGILO

Nove são presos por envolvimento com furto de cocaína em delegacia

BRASIL

MP que facilita leilões de bens apreendidos de traficantes é publicada

Decreto pode reduzir preço das passagens de avião no Estado
DECOLA MS

Decreto pode reduzir preço das passagens de avião no Estado

Mais Lidas