Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CASA DE PROSTITUIÇÃO

Cafetão aliciava travestis adolescentes e traficava cocaína na própria casa

Estabelecimento tinha máquinas de cartão e caderno de anotações

1 SET 19 - 10h:12FÁBIO ORUÊ

Jenifer Maiara Benevides dos Santos, de 20 anos, também conhecido pelo nome social de Júnior, foi preso na noite de sábado (31), em ação da Guarda Municipal (GM) e do Conselho Tutelar, após uma denúncia que o suspeito mantinha um ponto de prostituição com menores de idade em Dourados. 

De acordo com informações do site Dourados News, em sua casa, no Bairro Terra Roxa, por volta de 21h, as autoridades encontraram travestis menores de idade e entorpecentes.

No local, foram encontradas três travestis, uma de 18 anos e duas de 17. As menores, ambas de Naviraí, relataram terem vindo para Dourados para ficar na casa de prostituição, onde pagavam diárias para ficar no estabelecimento e fazer programas com valores de R$ 50 a R$ 100.

Na casa, segundo a polícia, 13 papelotes de cocaína, uma porção de maconha, celulares, e R$ 334 em dinheiro, além de duas máquinas de cartão de crédito e um caderno com anotações foram encontrados. O suposto dono, Júnior, foi autuado por favorecimento à prostituição e tráfico de drogas.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Adolescente é roubado e agredido no Parque do Sóter
ABANDONO E INSEGURANÇA

Adolescente é roubado e agredido no Parque do Sóter

Campo Grande tem 71 radares em operação; Veja locais
FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA

Campo Grande tem 71 radares em operação; Veja locais

Justiça nega liminar a advogados envolvidos em fraude milionária do Fies
VENDA DE VAGAS

Justiça nega liminar a advogados envolvidos em fraude milionária do Fies

Pagamento de dívidas é principal destino para saque do FGTS
SAQUE DO FGTS

Sul-mato-grossense quer usar R$ 500 para reformas e viagens

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião