Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EMENDAS

BR-262 deve receber reformas com investimento de R$ 22 milhões

Ministério da Infraestrutura autorizou Simone a remanejar valor de emenda individual
17/10/2019 17:08 - YARIMA MECCHI


 

Dos R$ 247,6 milhões em emendas impositivas do Orçamento da União de 2020, R$ 22 milhões serão destinados a BR-262 que corta Mato Grosso do Sul. De acordo com a assessoria de imprensa da senadora Simone Tebet (MDB), ela conseguiu a autorização do Ministério da Infraestrutura para remanejar o valor da sua emenda individual. 

A senadora reuniu-se com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. "Saí da reunião animada, pois demos mais um passo nas negociações para a liberação de recursos para a BR 262", disse por meio de nota.

Ainda pode meio da sua assessoria de imprensa, Tebet explicou que a autorização final virá em breve, pois já consta do Projeto de (PLN 25), que será votado em sessão do Congresso. "Assim, poderemos atender, efetivamente, aos pedidos do governo estadual e do DNIT-MS".

Ontem os deputados e senadores sul-mato-grossenses decidiram que R$ 100 milhões dos R$ 247,6 milhões em emendas impositivas ao Orçamento da União de 2020 que a bancada tem direito vão ser destinados a Campo Grande. Outros R$ 60 milhões serão para equipamento para as áreas de saúde, educação, agricultura e segurança pública e R$ 40 milhões para obras em rodovias federais.

Os R$ 47,5 milhões restantes serão definidos nos próximos dias, de forma a atender entidades e órgãos públicos que nas últimas três semanas apresentaram seus projetos para a bancada federal. Tanto que ontem foi a vez da Funasa, do Ministério do Desenvolvimento Social, o Hospital de Amor, e os prefeitos de Campo Grande, Marquinhos Trad, e de Jaraguari, Edson da Farmácia, mostrarem suas demandas.

Estes encaminhamentos relativos à distribuição dos recursos foram adotados na manhã de ontem, em reunião organizada pelo coordenador da bancada, senador Nelson Trad (PSD/MS).

Felpuda


Figurinha começou a respirar aliviada, embora ainda esteja na corda bamba. Isso porque mudou de mãos o processo cuja sentença poderá mandá-la para casa definitivamente. Assim, pela “jurisprudência” com a qual o “analista” é conhecido, pode ser que o resultado seja bastante favorável, permitindo que a então desesperada pessoa continue com o assento em Brasília. Vamos ver!