Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PRÓXIMOS PASSOS

Infovia e saneamento também farão parte de parceria público-privada

Governador do Estado, Reinaldo Azambuja avaliou programa de extrema importância para o Estado

2 DEZ 19 - 12h:11BRUNA AQUINO

Além da concessão que vai privatizar a MS-306, outros setores como a Infovia, saneamento e até o gás também estão na fila para fazer parte da parceria Público-Privada e deve passar pelo mesmo processo. A informação foi reforçada pelo governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, que avaliou a estratégia como de “extrema importância” para o estado. 

Primeira da fila, a concessão da rodovia já estava em andamento desde outubro. Segundo Azambuja, na sexta-feira dia 29 de novembro, foi o último dia para quem quisesse manifestar algum tipo de questionamento, que segundo ele não foi feito, sinal que o processo da concessão está no caminho certo. “Dia 5 será a abertura das propostas na bolsa de valores da B3 e nós estamos esperando ter sucesso nesse leilão”, contou. 

Projeto de concessão da MS-306, que inclui concessão dos serviços públicos de recuperação, operação, manutenção, conservação, implantação de melhorias e ampliação da capacidade do Sistema Rodoviário das rodovias MS-306 e BR-359. Entre as melhorias propostas estão limpeza das pistas e acostamentos, restauração da iluminação e troca de sinalização defasada, além de toda infraestrutura para operação, com centros de apoio ao usuário e centro de controle operacional.

Outro projeto apresentado pelo governador e está na fila para para haver licitação é a parceria Público-Privada da Infovia Digital, que tem objetivo de prestar serviços de transmissão de voz, dados e imagens por meio de rede de fibra de alta capacidade em todo o Estado.

O sistema interligado por infovia digital deve contemplar os serviços de telefonia para atender todas as unidades públicas estaduais, na Saúde, a telemedicina, central de laudos, informações de vigilância sanitária, ensino a distância na Educação, videomonitoramento e acesso online aos sistemas dos tribunais na pasta de segurança pública, controle e fiscalização online nas fronteiras, arrecadação no  Fisco estadual e pontos de acesso à internet para população com o objetivo de inclusão social.

Azambuja informou durante a apresentação das propostas, o gás e o saneamento básico também devem passar pelo mesmo processo. A ideia é implantar, expandir e manter o sistema de saneamento nos 68 municípios atendidos pela Empresa de Saneamento do Estado de MS – a Sanesul. A ordem dos investimentos é de R$ 3,8 bilhões em 10 anos para universalização de cobertura de esgoto.

 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Inscrições do Sisu serão de 21 a 24 de janeiro
SISU

Inscrições do Sisu serão de 21 a 24 de janeiro

Sequestradores teriam feito adolescente cavar própria cova
ANTES DE SER MORTO

Sequestradores teriam feito adolescente cavar própria cova

Polícia estima que até 20 bolivianos eram traficados  através de Corumbá
POR SEMANA

Polícia estima que até 20 vítimas
de tráfico entravam por Corumbá

City tour terá passeios gratuitos durante a Cidade do Natal neste ano
FIM DE ANO

City tour terá passeios gratuitos durante a Cidade do Natal neste ano

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião