Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Paralisação

Agentes penitenciários paralisam atividades por 24h no próximo domingo

Todas as atividades dentro dos presídios serão interrompidas

22 SET 2017Por BRUNA AQUINO11h:08

Servidores penitenciários paralisarão as atividades no próximo domingo (24), por cerca de 24horas, nas 54 unidades prisionais de Mato Grosso do Sul. O objeto da ação é alertar o Governo para mudança na infraestrutura dentro dos presídios e reajuste nos salários.

Segundo informações da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), por ocnta da paralisação não haverá banho de sol, visitas, entrega de alimentação e pertences aos presos. O presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários, André Luiz Santiago, informa que agora é necessário a compreensão e o apoio da sociedade e dos familiares dos detentos.

“A mobilização coletiva é em prol das melhorias do sistema prisional, devido a forma desumana e caótica que afeta tanto os agentes quanto os detentos. Por isso, pedimos o apoio e a compreensão dos familiares dos presos que também sofrem com essa falta de estrutura e não conseguem cumprir sua pena com condições humanas para que assim, de fato, aconteça a tão desejada ressocialização. Paralisar o trabalho é a única forma de pressionar o Governo para garantir o mínimo de segurança e condições de trabalho”, afirma Santiago.

Conforme a Agepen, cada agente trabalha 24h por 72h, em média, e recebem cerca de R$ 3,1 mil, considerado para eles o menor salário da Segurança Pública do Estado pago até hoje.

Leia Também