Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NA FRONTEIRA

Agente penitenciário é executado quando ia para o trabalho

Crime aconteceu na manhã desta quarta
24/04/2019 10:46 - RAFAEL RIBEIRO


 

Um agente penitenciário identificado como Duilio Florenciani Gonzalez, foi executado a tiros na manhã desta quarta-feira (24) na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Brasil, através de Ponta Porã.

O crime, conforme o Porã News, ocorreu por volta das 6h, no bairro Jardim Aurora. A vítima foi atingida com sete disparos de pistola do calibre 9mm.

Os tiros foram realizados na altura da cabeça, quando a vítima se deslocava ao seu local de trabalho, na Penitenciária Regional de Pedro Juan, e acabou alcançada pelos pistoleiros.

Ainda segundo o Porã News, a suspeita é que Duilio possa ter sido executado algo que tenha ocorrido no presídio.

Felpuda


Em uma das eleições em MS, candidato já oficializado na convenção corria o trecho para conquistar os eleitores. Mal sabia, porém, que time do seu partido e de aliados estava tramando sua derrubada para emplacar substituto que teria mais votos. Por muito pouco, o dito-cujo não foi guilhotinado, conseguindo salvar o pescoço. Agora tudo indica que o mesmo processo estaria em andamento e seria mais fácil, pois a “vítima” desta vez ainda é só pré-candidato. Dizem que a “turma da trairagem” tem know-now no assunto.