Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CAARAPÓ

Em ação, MPF solicita regulamentação para aplicação terrestre de agrotóxicos

Órgão pede que sejam estabelecida distância entre propriedades para aspersão

4 DEZ 19 - 15h:28GLAUCEA VACCARI

Ministério Público Federal (MPF) ajuizou ação civil pública solicitando à Justiça Federal que determine ao Estado de Mato Grosso do Sul, a União e a Prefeitura de Caarapó sejam estabelecidos parâmetros objetivos, com fixação de uma distância mínima entre propriedades limítrofes para a aplicação terrestre de agrotóxicos no município, que estariam sendo aspergidos nos arredores de moradias da comunidade indígena Guyraroká.

Conforme o MPF, única regulamentação federal sobre distância mínima entre áreas limítrofes para aspersão de agrotóxicos trata das normas de trabalho da aviação agrícola e aplicação aérea de fertilizantes, ou seja, não engloba os equipamentos de aplicação terrestre mecanicamente tracionados.

Ministério Público alega que a ausência de uma norma que limite a distância mínima entre as áreas lindeiras acaba por permitir o uso imoderado de agrotóxicos, que são distribuídos pela ação dos ventos sobre outras plantações, águas e habitações, o que configura, segundo o órgão, risco ao meio ambiente e à saúde.

Desta forma, o órgão pede que a Justiça Federal determine que União, Estado e Município estabeleçam uma norma para regulamentar a distância mínima entre áreas adjacentes para a aspersão terrestre de agrotóxicos e proíba os responsáveis pela fazenda vizinha à comunidade indígena Guyraroká, localizada em Caarapó e cercada por propriedades rurais, de lançar agrotóxicos a uma distância inferior de 250 metros da comunidade.

Além disso, requer na ação que os responsáveis pela fazenda sejam obrigados a apresentar um protocolo de comunicação e prestação de informações acerca das futuras operações de pulverização na área, contemplando a participação dos moradores da comunidade indígena.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Inscrições do Sisu serão de 21 a 24 de janeiro
SISU

Inscrições do Sisu serão de 21 a 24 de janeiro

Sequestradores teriam feito adolescente cavar própria cova
ANTES DE SER MORTO

Sequestradores teriam feito adolescente cavar própria cova

Polícia estima que até 20 bolivianos eram traficados  através de Corumbá
POR SEMANA

Polícia estima que até 20 vítimas
de tráfico entravam por Corumbá

City tour terá passeios gratuitos durante a Cidade do Natal neste ano
FIM DE ANO

City tour terá passeios gratuitos durante a Cidade do Natal neste ano

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião