GRATUITO

Ação cidadania já realizou 6,1 mil atendimentos nesse sábado na Capital

Ao todo, foram oferecidos 32 serviços durante o evento
19/08/2017 15:00 - BRUNA AQUINO E TAÍNA JARA


 

A ação cidadania reuniu hoje ao menos 3,7 mil pessoas em Campo Grande e realizou 6,1 mil atendimentos durante todo o evento.

Com apoio de vinte e um parceiros envolvidos no projeto, foram oferecidos ao todo, trinta e dois serviços nas áreas de saúde, educação e cidadania. A ação aconteceu na rua Anaca no Bairro Moreninha III em Campo Grande.

De acordo com a Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems), na área de cidadania, foram oferecidos 13 serviços, como emissão de CPFs, primeira via da Carteira de Identidade (RG), Carteira de Trabalho e Previdência Social, copias de documentos e similares, atendimento ao público para solucionar conflitos de relação de consumo, abertura de reclamações referentes à telefonia, bancos, cartões, companhias de energia e água, cadastro do Minha Casa, Minha Vida, orientações de regularização de dívida, consulta jurídica e corte de Cabelo.

Já na área de saúde foram oferecidos 16 serviços diferentes, incluindo atendimento oftalmológico, clínico geral, odontológico, mamografias, coleta de preventivo, coleta de PSA, consulta oncológica e pequenas cirurgias, avaliação física (composição corporal e aspectos neuromusculares), acupuntura, auriculoterapia, adaptações para utensílios de atividade de vida diária com comprometimento motor, avaliação de percentual de gordura através de bioimpedância e orientação, aferição de pressão arterial e orientação, aferição de peso e estatura, orientação nutricional e manejo e cuidados com animais peçonhentos.

Na educação, foram ofertados sete serviços diferentes, entre divulgação de cursos técnicos, pré-matrícula de cursos técnicos, atendimento aos potenciais empreendedores, divulgação de cursos do Senai, divulgação do Programa de Estágio do IEL e divulgação de vagas de estágio pelo IEL.

O diretor da Fiems, Julião Flaves Gaúna, reforçou a tradição do evento. “Já é algo que realizamos há alguns anos e é uma forma de garantir que todos tenham acesso à saúde e à cidadania”, afirma.

A aposentada Lurdes da Silva de 70 anos, moradora do Bairro Jardim das Perdizes, chegou ao local por volta das 6 h e conseguiu realizar vários exames que não fazia.

“Fiz mamografia, coleta de preventivo, consultei com clínico geral, fiz também exame oftamológico, por que não realizava o exame desde 2006 e consegui a receita para fazer novos óculos”, afirma.

Já a Operadora de Caixa Mariana Silva de Goes de 24 anos, chegou as 8 h e conseguiu tirar a segunda via da carteira de trabalho. “ Precisava tirar a segunda via da minha carteira, por que a primeira já estava completa. Para mim foi mais vantajoso fazer aqui, por que não consegui tirar em outro lugar”, comenta.

Conforme a Fiems, a ação cidadania também chegará no interior do Estado. Nas cidades de Dourados, Coxim e Aparecida do Taboado, os eventos acontecerão nos meses de setembro, outubro e novembro.

 

 

 

 

 

 

 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".