Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MARACAJU

Acadêmico de Medicina é preso com drogas, armas, anabolizantes e dinheiro falso

Jackson cursava medicina no Paraguai e levava a carga para Campo Grande
05/06/2017 10:58 - Izabela Jornada


 

Acadêmico de Medicina, Jackson Luiz Caye, 37 anos, foi preso ontem (04) à tarde, em Maracaju, com 400 munições de diversos calibres, 60 quilos de maconha, duas armas de fogo calibre .38 e oito frascos de anabolizantes de uso proibido no Brasil.

Jackson, ao ser abordado por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), disse que vinha de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, e levaria a carga para Campo Grande.

Além da droga, armas e munições, a polícia apreendeu R$ 700 em notas falsas de R$ 50,00. 

Jackson foi preso e veículo apreendido. O acadêmico foi levado para a Delegacia Especializada de Repressão ao Crime de Fronteira (Defron).

Felpuda


Partido está aos poucos montando a que vem sendo chamada de “chapa do quartel”, pois os pré-candidatos são oriundos da caserna. Há quem diga que os dirigentes da legenda ainda estão querendo pegar carona no “fenômeno Bolsonaro”, esquecendo-se que o presidente, embora vindo da área militar, está na política há 30 anos e o seu programa de governo agradou 57,7 milhões de eleitores. Dizem que tchurminha será obrigada a adicionar mais ingredientes no currículo, senão...