Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

RODOVIA

Vítimas de acidente entre carro e caminhão com abelhas são enterradas

30 JUL 2017Por G113h:38

Foram enterradas na manhã deste domingo (30) no cemitério de Irapuã (SP) as vítimas – uma mulher e uma criança de 1 ano e 11 meses - de um acidente no sábado (29) entre um carro e um caminhão carregado com abelhas na rodovia Roberto Mário Perosa, em Urupês.

Uma família com três pessoas seguia de carro pela rodovia com sentido a São José do Rio Preto (SP), quando outro veículo cruzou a pista.

O motorista do carro que se envolveu no acidente se assustou, tentou desviar e invadiu a pista contrária, batendo de frente com o caminhão que seguia sentido Novo Horizonte.

As três vítimas ficaram presas às ferragens. Uma mulher morreu e uma criança chegou a ser socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital. O pai da menina foi transferido em estado grave ao hospital Padre Albino, em Catanduva.

Abelhas na rodovia

Após o acidente, mais de um milhão de abelhas ficaram soltas na rodovia Roberto Mário Perosa. O enxame fez com que a rodovia ficasse interditada por mais de três horas.

Apicultores e equipes do Corpo de Bombeiros de toda a região foram mobilizados para fazer o resgate das vítimas e precisaram usar roupas especiais.

O caminhão transportava 70 caixas com abelha-europeia, em cada compartimento havia cerca de 15 mil insetos, segundo Claudir Loveli, irmão do motorista do caminhão e apicultor.

"As abelhas viajam soltas, apenas tampadas pelo sombrio, mas com a batida rasgou o sombrio, quebrou tudo e elas escaparam", diz.

Mesmo com roupas especiais, um dos bombeiros foi atacado no momento em que retirava algumas caixas da rodovia e teve de correr, porque alguns insetos entraram na vestimenta.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também