Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Internacional

Tufão Soudelor chega à China, mata 12 pessoas e causa inundações

9 AGO 15 - 13h:00FOLHAPRESS

O tufão Soudelor deixou ao menos 12 mortos no leste da China, enquanto cinco pessoas estão desaparecidas, em lugares atingidos pelas chuvas mais intensas do último século, informou neste domingo (9) a imprensa oficial.

Mais de 500 voos tiveram de ser cancelados. Imagens de televisão mostraram veículos parcialmente submersos e abandonados em estradas inundadas e soldados pela água em busca de vítimas.

Os fortes ventos e chuva causaram deslizamentos de terra em áreas rurais da província de Zhejiang, no leste, segundo a agência oficial de notícias Xinhua.

De acordo com autoridades locais, as vítimas poderiam ter sido levadas pelas inundações ou soterradas pelos escombros das casas.

O tufão, que começou a varrer a China na noite de sábado (8), afeta cerca de 1,3 milhão de pessoas, de acordo com a agência, e já provocou estragos no valor de 3,8 bilhões de yuans ( US$ 617 milhões).

Mais de dois milhões de casas ficaram sem energia, acrescentou a Xinhua. Neste domingo (9), a eletricidade já havia sido restaurada em parte delas.

As maiores precipitações dos últimos 100 anos atingiram principalmente o condado de Wencheng, que registrou 645 milímetros de chuva em 24 horas.

O tufão, que foi descrito como o mais poderoso do ano em sua passagem por Taiwan, tem se enfraquecido desde então.

De acordo com o Centro Meteorológico Nacional, Soudelor deve ser rebaixado à noite para a categoria de tempestade tropical à medida que progride no continente.

Pelo menos 250 mil pessoas tiveram de deixar suas casas nas províncias de Fujian e Zhejiang, em antecipação à chegada do tufão.

Neste sábado (8), o tufão já havia castigado Taiwan com ventos fortes e chuva torrencial, cortando a eletricidade de 3,62 milhões de casas, deixando seis mortos e mais de 100 feridos, de acordo com autoridades.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CASO COAF

Justiça do Rio julga hoje habeas de Flávio Bolsonaro contra quebra de sigilo

TELECOMUNICAÇÃO

Acordo vai encerrar cobrança de roaming em países do Mercosul

39 QUILOS DE COCAÍNA

Defesa volta a pedir acesso à investigação sobre sargento da FAB

RASTRO DE DESTRUIÇÃO

Recuperação de cidade afetada por rompimento de barragem na BA poderá levar meses

Mais Lidas