Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

RJ

Troca de tiros deixa criança de 13 anos ferida na zona norte do Rio

24 SET 2017Por Folhapress02h:00

Enquanto a polícia e as Forças Armadas fazem um cerco à favela da Rocinha, em São Conrado, zona sul do Rio, outros pontos da cidade registram conflitos armados.

Na tarde deste sábado (23), policiais e traficantes trocaram tiros em três pontos do Alto da Boa Vista, bairro que liga a zona sul à zona norte por meio do Parque Nacional da Tijuca.

Uma criança de 13 anos foi baleada. Segundo a Polícia Militar, ela foi socorrida ao hospital e não há informações sobre seu estado de saúde. Por volta das 15h, policiais que patrulhavam a via se depararam com criminosos armados e foi iniciado um tiroteio. Há informações ainda não confirmadas de que três homens, supostamente criminosos, foram mortos nos conflitos.

O Batalhão de Choque fazia uma operação próxima dali, no morro do Turano, que fica na Tijuca, zona norte. Tiros foram registrados também nas imediações da rua Conde de Bonfim, importante via do bairro, ladeada por várias favelas dominadas pelo tráfico, e também na entrada do morro do Salgueiro.

Há suspeitas de que criminosos da Rocinha, que estaria escondidos na mata em razão do cerco policial, estariam justamente na área do Parque Nacional da Tijuca. A mata, que abrange parte grande do território da cidade, dá acesso a bairros da zona norte e também a locais da zona sul.

Os bandidos estariam seguindo em direção a favelas da zona norte e a polícia estaria tentando capturá-los, o que levou os conflitos para outras regiões da cidade. Procurada, a Polícia Militar ainda não confirmou as suspeitas.

Leia Também