Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

STF adia julgamento sobre a descriminalização do porte de drogas

O julgamento sobre as condições dos presídios brasileiros tomou todo o tempo

13 AGO 15 - 21h:00AGÊNCIA BRASIL

O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou para a próxima quarta-feira (19) o julgamento sobre descriminalização do porte de drogas para uso próprio. A questão estava prevista para ser julgada nesta quinta-feira, mas não entrou em pauta. O julgamento sobre as condições dos presídios brasileiros tomou todo o tempo da sessão.

A descriminalização é julgada em função de recurso de um condenado a dois meses de prestação de serviços à comunidade por porte de maconha. A droga foi encontrada na cela do detento, que, atualmente, está em liberdade.

No recurso, a Defensoria Pública de São Paulo alega que o porte de drogas, tipificado no Artigo 28 da Lei de Drogas (Lei 11.343/2006), não pode ser configurado crime, por não gerar conduta lesiva a terceiros. Além disso, os defensores alegam que a tipificação ofende os princípios constitucionais da intimidade e a liberdade individual.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

TRAGÉDIA

Suspeito de incendiar estúdio no Japão reclamava que tinha sido plagiado

VERACIDADE INFORMAÇÕES

Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações

BRASIL

MPF pede suspensão de urgência em concurso da Polícia Rodoviária Federal

BRASIL

Revalida terá duas edições por ano

Mais Lidas