Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Crise

Primeiro ministro finlandês irá abrigar refugiados em sua casa

5 SET 15 - 12h:59FOLHAPRESS

O primeiro ministro finlandês Juha Sipila disse neste sábado (5) à emissora YLE que irá oferecer abrigo em sua casa de campo para refugiados e imigrantes.

De acordo com Sipila, sua família tem uma casa pouco usada em Kempele, no norte da Finlândia, que poderá receber requerentes de asilo a partir de janeiro de 2016.

Ainda não há detalhes da quantidade de vagas e nem de que maneira serão administradas as acomodações.

Ele também afirmou que o plano da União Européia de distribuir 120 mil refugiados que chegam à Grécia, Itália e Hungria para outros países do grupo deve ser voluntário e espera que a Finlândia possa dar o exemplo.

"Espero que isso se torne uma espécie de movimento popular que faça com que muitos assumam suas responsabilidades nesta crise dos refugiados", disse.

Atualmente, a capacidade de acolhimento dos requerentes de asilo na Finlândia está saturada. Na sexta (4), o governo finlandês duplicou para 30 mil sua estimativa do número de pedidos de asilo em 2015 no país.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

INTERNACIONAL

Comparecimento em eleição do Parlamento Europeu é de cerca de 50%

Percentual deve ser o mais alto em duas décadas
INTERNACIONAL

Tornado destrói comunidade em Oklahoma e mata pelo menos duas pessoas

MEIO AMBIENTE

Defesa Civil monitora movimento de talude em mina de Barão de Cocais

Previsão era de que rompimento ocorreria até ontem
Papa Francisco recebe cacique Raoni em audiência privada
RELIGIÃO

Papa Francisco recebe cacique Raoni em audiência privada

Mais Lidas