Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Prévia

Prévia da inflação fica em -0,18% em julho

Em relação a julho, é a menor variação registrada para o mês desde 2003

20 JUL 17 - 08h:50G1

A prévia do Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) ficou em -0,18% em julho, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O índice é o mais baixo desde setembro de 1998, quando registrou -0,44%. Já em relação a julho, é a menor variação registrada para o mês, juntamente com o resultado de 2003. Em junho, o IPCA-15 havia ficado em 0,16%.

No ano, o indicador acumula alta de 1,44%, bem abaixo dos 5,19% referentes ao mesmo período do ano passado. No acumulado dos últimos 12 meses, o índice caiu para 2,78%, inferior aos 3,52% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores - menor variação acumulada em períodos de 12 meses desde março de 1999, quando registrou 2,64%. Em julho de 2016, a taxa foi de 0,54%.

Alimentação pesa

O grupo dos alimentos, que tem participação de 25% nas despesas das famílias, exerceu o mais intenso impacto negativo no IPCA-15 de julho, com queda de 0,14 ponto percentual. Os preços da maioria desses produtos ficaram mais baixos de junho para julho, com destaque para a batata-inglesa (-19,07%), o tomate (-8,48%) e as frutas (-4%).

Metodologia

O IPCA-15 é um indicador, calculado pelo IBGE, que mede a inflação entre a segunda metade de um mês e a primeira quinzena do mês de referência. Engloba as famílias com rendimento de um a 40 salários mínimos e abrange as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

AMEAÇA MUNDIAL

EUA dizem que coronavírus é ameaça séria, mas que não houve novos casos no país

Autoridades informaram que não houve "por ora" novos casos
Ministro da Saúde confirma caso suspeito de coronavírus em Minas
ALERTA

Suspeita de coronavírus em Minas é confirmada, ministro diz que risco é "iminente"

Bolsonaro diz que governo vai apurar falhas no Enem e que não descarta sabotagem
INVESTIGAÇÃO

Bolsonaro diz que governo vai apurar falhas no Enem e que não descarta sabotagem

Secretário executivo da Casa Civil é destituído por usar avião da FAB
MINISTRO INTERINO

Secretário executivo da Casa Civil é destituído por usar avião da FAB

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião