Campo Grande - MS, sexta, 17 de agosto de 2018

EM SP

Polícia investiga se crianças foram assassinadas ou vítimas de acidente

15 OUT 2017Por G107h:00

A delegada que cuida da investigação sobre o desaparecimento de duas meninas e a localização de dois corpos em um carro na favela Jardim Lapena, em São Miguel Paulista, na Zona Leste, disse nesta sexta-feira (13) que a polícia trabalha com duas hipóteses: de assassinato e de acidente. A polícia, porém, ainda depende de laudos que irão orientar a investigação.

A identificação dos corpos, porém, só se dará após resultado de exame de DNA, que deve ficar pronto no início da semana. Enquanto isso, a polícia vai ouvir vizinhos e parentes das crianças para tentar encontrar mais indícios sobre as mortes.

Segundo moradores da favela, Adriely Mel Porto e Beatriz Moreira dos Santos, de 3 anos, desapareceram quando brincavam em frente de casa, cerca 150 metros do local onde foram encontrados os corpos, em 24 de setembro.

"Por enquanto não dá para dizer, descartar o que possa ter acontecido. se foi um crime, se foi acidente. Depende dos laudos que vamos poder definir o que pode ter acontecido", disse a delegada Ana Lucia Lopes Miranda, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Dois corpos em avançado estado de decomposição foram encontrados dentro de uma Fiorino trancada. Uma mãe reconheceu o chinelo encontrado ao lado dos corpos. Para a delegada, é possível que as meninas entraram para brincar e, em razão de o carro ter uma tranca interna de difícil acesso, ter ficado presas.

Apesar do estado dos corpos, a polícia vai tentar identificar se as meninas foram alvo de violência sexual. Segundo a delegada, os vizinhos relatam que não houve nenhuma anormalidade naquele dia. "Nenhuma pessoa pelo bairro, nenhuma pessoa suspeita, nenhum carro", disse.

A delegada já tem a explicação dos pais para o encontro de peças de roupas das crianças em alguns pontos da comunidade. "Segundo o pai e a mãe, eles, em razão da condição financeira, usam as roupas e depois descartam, jogam fora. Então por isso tinha peças delas jogadas na comunidade em alguns pontos que foram apreendidas."

O carro em que os corpos foram encontradas é produto de roubo em Guarulhos. O chassi e o número de motor remetem a um veículo que foi roubado na área do 53º Distrito Policial - Parque do Carmo.

Leia Também