MUDANÇAS

Papa reforma leis para anular matrimônio

Papa reforma leis para anular matrimônio
08/09/2015 04:00 - band


O papa Francisco deverá divulgar na terça-feira (8) duas reformas no processo canônico que trata da anulação dos matrimônios, disseram fontes locais.

As mudanças foram feitas com motu proprio, que é uma normativa da Igreja Católica expedida diretamente pelo Pontífice e tem a forma de decreto. Os dois decretos de Francisco se intitulamMitis Iudex Dominus Iesus e Mitis et misericors Iesus e abrangem tanto as igrejas ocidentais quanto as orientais.

Os detalhes sobre as mudanças nos itens para nulidade do casamento serão apresentados em uma coletiva de imprensa no Vaticano pelo presidente da Comissão Especial para a Reforma do Processo Matrimonial Canônico, monsenhor Pio Vito Pinto, e outros cinco religiosos. A comissão foi criada por Jorge Mario Bergoglio em agosto de 2014.

Em vários discursos, como um em janeiro de 2015 para especialistas em direito canônico, o Papa demonstrou sua intenção de facilitar e agilizar os pedidos de anulação do matrimônio.

Os outros membros da comissão, além de Pinto, são o cardeal Francesco Coccopalmerio, o monsenhor Dimitrios Salachas, o também monsenhor Luis Francisco Ladaria Ferrer, o jesuíta Alejandro W. Bunge e o padre Nikolaus Schoch. 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".