Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

Rio de Janeiro

Número de casos de febre
amarela silvestre sobe para 22

20 JUN 2017Por Folhapress08h:24

O número de casos de febre amarela silvestre em humanos subiu para 22 no Rio de Janeiro, de acordo com informações da SES (Secretaria Estadual de Saúde).

Entre os casos registrados, ao menos oito pessoas morreram. As cidades onde ocorreram mortes devido a doença foram Casimiro de Abreu, Porciúncula, Macaé, Maricá, Silva Jardim e Santa Maria Madalena.

Também foram confirmados de febre amarela nas cidades São Fidélis, São Pedro da Aldeia, Cachoeiras de Macacu, Niterói, São Gonçalo e Bom Jesus do Itabapoana.

A SES divulgou nove casos confirmados de contaminação em macacos nas cidades São Sebastião do Alto, Campos dos Goytacazes, Maricá, Carmo, Rio das Flores, Macaé, Petrópolis, Macuco e Santa Maria Madalena.

A febre amarela existente hoje no país é a de transmissão silvestre, que ocorre em áreas rurais e de mata.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também