Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

Nova autarquia

MP que cria Autoridade de Governança do Legado Olímpico segue para sanção presidencial

Para os senadores da oposição, a medida é contraditória

2 AGO 2017Por Agência Brasil10h:50

O Plenário do Senado aprovou a medida provisória  que cria a Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO). A autarquia federal substitui a Autoridade Pública Olímpica (APO) e será responsável por elaborar o plano de utilização das instalações esportivas usadas nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. O texto segue agora para sanção presidencial.

Para os senadores da oposição, a medida é contraditória pois cria um mais um órgão em um momento em que o país está passa por crise fiscal e econômica. Segundo a MP, o novo órgão absorverá os recursos patrimoniais, as obrigações, parte do quadro de cargos em comissão e funções gratificadas da APO, que foi extinta em 31 de março deste ano por meio de resolução do Conselho Público Olímpico.

Leia Também