Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

IMPEACHMENT

Manifestantes vão às ruas em mais de 270 cidades contra governo neste domingo

Manifestantes devem ocupar ruas de 27 capitais para pedir impeachment da presidente
16/08/2015 09:26 - DA REDAÇÃO


 

Mais de 270 cidades devem receber neste domingo (16) protestos contra o PT e o governo da presidente Dilma Rousseff. O objetivo dos manifestantes é aumentar a pressão sobre o Palácio do Planalto, em meio às investigações da Operação Lava Jato e ao julgamento das contas do governo pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

Até este sábado (15), mais de 270 cidades estavam confirmadas no ciclo de protestos, segundo o grupo Vem Pra Rua, que convoca a manifestação. Estão nessa lista as 27 capitais além de 19 cidades do exterior.

Em nota, o movimento Vem Pra Rua afirmou que “a manifestação pedirá a completa investigação e o fim dos sucessivos esquemas de corrupção do PT, durante sua permanência no poder nesses quase 13 anos”.

O movimento antipetista vai cobrar também a “responsabilidade da presidente Dilma pelas ‘pedaladas fiscais’, que estão em julgamento no Tribunal de Contas da União, configurando crime de responsabilidade fiscal”.

O TCU está pedindo explicações ao governo em razão de irregularidades encontradas nas contas federais de 2014. Nesta semana, o Planalto ganhou mais 15 dias para o envio dos esclarecimentos.

CAMPO GRANDE

Na Capital de MS, o manifesto que será realizado neste domingo (16), a partir das 14h, na Praça do Rádio Clube, contra a corrupção no País e pedindo a saída de Dilma Roussef do governo.​

As ações na Capital ficarão concentradas na Praça do Rádio Clube, com apresentações de vídeos informativos sobre a situação do País, além de debates, discussões e de espaços interativos. Também haverá coleta de assinaturas para projeto contra a corrupção.

Felpuda


Dois pedidos de desculpas, de autorias diferentes, foram assuntos muito comentados nas redes sociais com críticas ácidas às suas declarações, até porque os envolvidos não só os usaram despropositadamente, como tiveram de voltar a eles para se redimirem. Um deles, inclusive, quase criou uma crise política da-que-las, o que obrigou seu pai, figurinha carimbada, a pular miúdo para colocar panos quentes sobre a questão. Essa gente!...