Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ATACANTE

Luan, do Grêmio, tem carro apreendido por falta de licenciamento e CNH

Luan, do Grêmio, tem carro apreendido por falta de licenciamento e CNH
28/05/2017 19:00 - Folhapress


O atacante Luan, do Grêmio, teve o carro apreendido na noite deste sábado (27), em Porto Alegre. O meia-atacante foi abordado pela Brigada Militar após furar sinal no bairro Rio Branco. Ele também assinou auto de infração por dirigir sem habilitação.

Luan, 24 anos, está fora da viagem do Grêmio a Recife, onde o clube enfrenta o Sport pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Assim como os demais titulares, ele foi preservado e ficou em Porto Alegre.

Segundo o 9° Batalhão da Brigada Militar, viaturas viram Luan avançar o sinal vermelho em alta velocidade e iniciaram abordagem. A ocorrência foi registrada entre o centro e a zona norte da capital gaúcha.

Na abordagem, o camisa 7 do Grêmio afirmou aos policiais que estava indo ao posto de gasolina perto de casa.

Luan dirigia uma BMW X6 branca sem licenciamento. Ainda de acordo com a polícia, Luan não portava CNH (Carteira Nacional de Habilitação). O veículo acabou recolhido. No momento da ocorrência, o jogador assinou auto de infração por dirigir sem habilitação.

A Brigada Militar afirma que o jogador não apresentava sinais de embriaguez. Por conta disso, o teste do bafômetro sequer foi realizado. Luan acabou liberado pela polícia logo após a ocorrência. A abordagem se deu por volta das 22h (horário de Brasília), de acordo com informe policial.

Luan e os demais titulares do Grêmio viajam no início da tarde de segunda-feira para o Rio de Janeiro. Na quarta, o time dirigido por Renato Gaúcho enfrenta o Fluminense no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Na partida de ida, o Tricolor venceu por 3 a 1.

Felpuda


Partido está aos poucos montando a que vem sendo chamada de “chapa do quartel”, pois os pré-candidatos são oriundos da caserna. Há quem diga que os dirigentes da legenda ainda estão querendo pegar carona no “fenômeno Bolsonaro”, esquecendo-se que o presidente, embora vindo da área militar, está na política há 30 anos e o seu programa de governo agradou 57,7 milhões de eleitores. Dizem que tchurminha será obrigada a adicionar mais ingredientes no currículo, senão...