Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Índice de Preços ao Consumidor Semanal

Índice de Preços ao Consumidor Semanal varia 0,51% na última semana de maio

A taxa reflete alta em seis das sete capitais pesquisadas; a exceção foi no RJ

2 JUN 17 - 12h:30Terra

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S), relativa à semana encerrada em 31 de maio deste ano, teve variação de 0,52%, com alta de 0,17 ponto percentual em relação ao mesmo índice da semana anterior.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), a taxa reflete alta em seis das sete capitais pesquisadas, menos no Rio de Janeiro, onde a taxa caiu 0,1 ponto percentual, passando de 0,38% para 0,28% entre uma semana e outra.

A maior variação percentual ocorreu em Salvador, onde a taxa subiu 0,77 ponto percentual entre a última semana do mês e a semana anterior, passando de 0,02% para 0,79%, a segunda maior taxa do País.
Já Recife, que fechou com o maior IPC-S, de 1,1%, registrou a segunda maior variação percentual: 0,26 ponto percentual. Na semana encerrada em 22 de maio, a taxa havia variado 0,84%.

A menor variação percentual do IPC-S semanal ocorreu em Brasília, de apenas 0,02 ponto percentual, passando de 0,07% para 0,09%. Na capital ocorreu a menor taxa do IPC-S, ficando 0,43 ponto percentual abaixo da variação média entre as capitais de 0,52%.

 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CCJ vota PEC paralela da Previdência em novembro, diz senadora
BRASÍLIA

CCJ vota PEC paralela da Previdência em novembro, diz senadora

Senado conclui votação da reforma da Previdência
BRASÍLIA

Senado conclui votação da reforma da Previdência

Veja o que muda na sua aposentadoria com a reforma da Previdência
TIRE SUAS DÚVIDAS

Veja o que muda na sua aposentadoria com a reforma da Previdência

BRASIL

Sem nomes de Lula e Dilma, relatório da CPI do BNDES é aprovado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião