Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

CORRUPÇÃO

Empresas investigadas na Lava Jato pagaram R$ 10 milhões a Lula

As empreiteiras Odebrecht, Andrade Gutierrez, OAS e Camargo Corrêa encabeçam a lista

17 AGO 15 - 10h:26R7

Um grupo de empresas investigadas na operação Lava Jato por corrupção teria sido responsável pelo pagamento de R$ 10 milhões ao ex-presidente Lula. Esse montante representa 37% do total de R$ 27 milhões do faturamento registrado da LILS, empresa que leva as iniciais do ex-presidente e gerencia as palestras realizadas pelo político.

As empreiteiras Odebrecht, Andrade Gutierrez, OAS e Camargo Corrêa encabeçam a lista. As informações foram publicadas na edição desta semana da revista Veja.

No dia 15 de junho, a PF (Polícia Federal) registrou em um grampo uma conversa entre o ex-presidente Lula e o executivo da Odebrecht Alexandrino de Salles Ramos Alencar. No diálogo, realizado quatro dias antes de Alencar ser preso na Lava Jato, Lula aponta estar preocupado com “assuntos do BNDES”. O alvo do grampo era o executivo, e não o ex-presidente.

Lula registra diversas viagens realizadas com Odebrecht e Camargo Corrêa para diversos países da América Latina e África em busca de novos negócios para as empreiteiras.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

AGUARDARÁ PEC

Alcolumbre diz que plenário não vai votar projeto da 2ª instância aprovado na CCJ

STJ manda soltar Pezão, ex-governador do Rio preso há um ano
USARÁ TORNOZELEIRA

STJ manda soltar Pezão, ex-governador do Rio preso há um ano

BRASÍLIA

'Paciência', diz Bolsonaro sobre Brasil poder perder voto na ONU por dívida

Com presença de Mourão, Alberto Fernández assume presidência da Argentina
MUNDO

Com presença de Mourão, Alberto Fernández assume presidência da Argentina

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião