Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

INTERNACIONAL

Comissão aprova 2,4 bi de euros para Europa enfrentar crise

Ajuda para enfrentar a crise no continente, será pincipalmente do Oriente Médio e da África

10 AGO 15 - 21h:00AGENCIA BRASIL

A Comissão Europeia anunciou hoje (10), em Bruxelas, uma ajuda de 2,4 bilhões de euros para ajudar os países-membros a enfrentar a crise migratória no continente, pincipalmente do Oriente Médio e da África. 

De acordo com a porta-voz da comissão, Natasha Bertaud, a abordagem do problema está sendo feita "com olhos bem abertos". Natasha acrescentou que a intenção é continuar trabalhando em conjunto com os países-membros, de modo a tratar desse desafio da melhor maneira possível.

Itália e Grécia receberão a maior parte da ajuda financeira: 560 milhões e 473 milhões de Euros, respectivamente. Os dois países são a porta de entrada para quem tenta chegar ao continente pelo mar.

Dados da Organização das Nações Unidas (ONU) revelam que, de janeiro a julho, mais de 220 mil migrantes e refugiados atravessaram o Mediterrâneo em direção à Europa. Pelo menos 2 mil pessoas já moreram no mar ou estão desaparecidas.

O anúncio da ajuda financeira ocorreu após reunião do governo grego, concluída no sábado (8), para discutir a crise migratória. O primeiro-ministro Alexis Tsipras destacou a dimensão europeia do problema e a necessidade de utilizar os recursos possíveis, incluindo os de emergência, via União Europeia.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

PRIMEIRA INSTÂNCIA

TRF-4 nega recurso de Lula para anular provas no caso do Instituto

BRASÍLIA

Alcolumbre diz que criará comissão mista para discutir reforma tributária em 2020

BUSCAS CONTINUAM

Navio brasileiro encontra destroços de avião chileno

As partes da aeronave estavam a 518 km de Ushuaia, na Argentina
AMÉRICA LATINA

Evo anuncia que está na Argentina e agradece período de acolhimento no México

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião