Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PARTIDO PODEMOS

Com anúncio de candidatura de Álvaro Dias, Podemos é criado em Brasília

1 JUL 17 - 16h:10FOLHAPRESS

Com anúncio da pré-candidatura do senador Álvaro Dias (PR) ao Palácio do Planalto em 2018, o Podemos foi lançado neste sábado (1º) em Brasília.

Último a falar no evento, o senador foi anunciado como um candidato "sensato" que vai unir o país. "Vamos arrancar o Brasil das mãos sujas de corrupção dos que nos assaltaram nos últimos anos", disse o senador, ex-tucano, que na última semana trocou o PV pelo Podemos.

"Sem reformas e sem mudanças mergulharemos nas águas sujas do fracasso", acrescentou.

O partido é uma atualização da sigla PTN, que obteve autorização do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em maio para mudar de nome. Apesar da inspiração na sigla homônima da Espanha, o Podemos brasileiro é lançado como um partido de centro, enquanto a proposta europeia é de esquerda.

O Podemos conta atualmente com uma bancada de 14 deputados federais e 2 senadores, com as filiações de Romário (RJ), que deixou o PSB na semana passada, e de Dias.

Embora oficialmente o partido se apresente como "independente" em relação ao governo de Michel Temer, ainda possui cargos como a presidência da Funasa (Fundação Nacional de Saúde).

Em seu discurso, a presidente nacional da sigla, a deputada Renata Abreu (SP), negou que seja motivada por cargos no governo. "Os que vieram para o Podemos não vieram por troca-troca, por ministérios. Vieram pela mudança", disse.

A aposta do partido é lançar candidaturas de "centro" ligadas ao discurso de mudança e de maior participação popular, sobretudo com intenso uso de redes sociais. Durante os discursos repetiu-se várias vezes que a divisão entre "direita e esquerda" era "coisa do passado.”

Além de Dias, o Podemos pretende lançar Romário ao governo do Estado do Rio de Janeiro. O senador, contudo, não compareceu ao evento por problemas com voo.

O evento contou com a participação do ex-jogador de futebol Marcelinho Carioca e de Antônio Campos, que disputou a prefeitura de Olinda-PE, em 2016, pelo PSB.

Campos é irmão de Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência da República morto em acidente aéreo em 2014.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

AUXÍLIO MOÇAMBIQUE

FMI concede empréstimo emergencial de US$ 118 milhões

MANIFESTAÇÃO VENEZUELA

Opositores de Maduro preparam protestos para 1º de maio

Funkeiro MC Sapão morre de pneumonia aos 40 anos
RIO DE JANEIRO

Funkeiro MC Sapão morre de pneumonia aos 40 anos

INVESTIMENTO CULTURA

Ancine suspende futuros repasses para o setor audiovisual

Este ano 4 filmes brasileiros foram indicados em Cannes

Mais Lidas