Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Valores bloqueados

Bloqueio em contas de sócio
da JBS chega a R$ 800 milhões

A decisão liminar foi proferida em ação popular proposta por dois cidadãos

2 JUN 17 - 08h:06Terra

A Justiça Federal em São Paulo determinou o bloqueio de R$ 800 milhões das contas de Joesley Batista - um dos donos da empresa JBS - referente ao suposto lucro obtido com a comercialização de dólares às vésperas da divulgação da gravação com o presidente da República, Michel Temer.

A decisão liminar foi proferida pelo juiz federal Tiago Bitencourt De David em ação popular proposta por dois cidadãos. De acordo com a ação, Joesley e Wesley Batista e diretores da JBS S.A. e da J&F teriam praticado o crime de insider trading ao utilizarem informação privilegiada para comprar cerca de US$ 1 bilhão às vésperas da divulgação da gravação do diálogo entre Joesley e o presidente da República. Após a divulgação, o dólar teve alta de 7,9%.

Na ação, os irmãos Batista e diretores da JBS também são acusados de vender o equivalente a R$ 327,4 milhões em ações da empresa em abril, quando já colaboravam com as investigações. Os autores sustentam ainda que a empresa obteve um crescimento superior a 4.000% em seu faturamento graças a créditos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em nota, a J&F, controladora do grupo JBS, disse não ter conhecimento do processo. "A J&F informa que não tem conhecimento sobre o processo e que também não foi citada. A companhia esclarece ainda que tem como política e prática a utilização de instrumentos de proteção financeira visando, exclusivamente, minimizar os seus riscos cambiais e de commodities provenientes de sua dívida, recebíveis em dólar e de suas operações."

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

EX-PRESIDENTE DO PT

Segunda Turma do STF arquiva investigação contra Berzoini

300 MORTOS

Grupo Estado Islâmico reivindica atentados no Sri Lanka

90 DIAS

PF pede prorrogação de inquérito que apura atentado contra Bolsonaro

PREVIDÊNCIA

Porta-voz: governo sabe que enfrentará ainda fortes resistências à reforma

Mais Lidas