Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

Violência

Atentado com carro-bomba mata
ao menos 80 pessoas em Cabul

O fato aconteceu em uma área de alta segurança, perto do Palácio Presidencial

31 MAI 2017Por G113h:43

Ao menos 80 pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridas em um atentado com caminhão-bomba nesta quarta-feira (31) em Cabul, capital do Afeganistão. O fato aconteceu em uma área de alta segurança, perto do Palácio Presidencial, de várias embaixadas e edifícios do governo. 

Até o momento, nenhum grupo reivindicou o ataque, mas o Talibã negou qualquer envolvimento.
Segundo o porta-voz do ministério afegão da Saúde, Waheed Majroh,  entre as vítimas estão mulheres e crianças e o resultado pode aumentar ainda mais, já que corpos ainda estão sendo retirados dos escombros. A BBC diz que 350 ficaram feridos.

Um motorista da BBC morreu e quatro jornalistas ficaram feridos no ataque, que aconteceu por volta das 8h25 (horário local, 0h55 de Brasília), no Distrito Policial 10, perto da Praça Zanbaq.

A explosão aconteceu perto da Embaixada da Alemanha, que ficou danificada, mas as equipes de segurança e o governo alemão ainda acham que é cedo para dizer que o imóvel era o alvo do ataque. O ministro de relações exteriores alemão, Sigmar Gabriel, afirmou que a equipe de segurança afegã que trabalhava no prédio está provavelmente entre os mortos e que algumas pessoas ficaram feridas, mas a maioria sem gravidade.

Os prédios da França e da Turquia também foram afetados. O governo da Turquia garantiu que seus funcionários não se feriram. A ministra francesa de negócios europeus, Marielle de Sarnez, afirmou que até o momento não há relato de pessoas machucadas na embaixada francesa.

Após o atentado, muitas pessoas tentavam desesperadamente entrar na área isolada para saber notícias de familiares e amigos, constatou a France Presse (AFP). “Graças a Deus, o pessoal da embaixada indiana está são e salvo após a enorme explosão em Cabul”, tuitou a chefe da diplomacia indiana, Sushma Swaraj.

Leia Também