Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

SÃO PAULO

Alckmin oferece R$ 50 mil por informações sobre chacina

18 pessoas foram assassinadas em um intervalo de duas horas

17 AGO 15 - 20h:00AGENCIA BRASIL

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, anunciou hoje (17) uma recompensa da R$ 50 mil por informações que ajudem a elucidar a chacina ocorrida na Grande São Paulo na noite da última quinta-feira (13), quando 18 pessoas foram assassinadas, em um intervalo de duas horas, nos municípios de Osasco, Barueri e Itapevi.

Para receber a recompensa, o denunciante deve repassar as informações pelo sistema do Web Denúncia. A página funciona 24h por dia e garante o anonimato do informante. "A polícia está toda empenhada em esclarecer e prender os criminosos. Quem tiver informações e der uma indicação que leve ao esclarecimento do crime ou à prisão dos criminosos terá a recompensa", disse o governador.

A oferta é um avanço, diz o ouvidor das Polícias de São Paulo, Julio Cesar Fernandes Neves: “Para a sociedade civil, isso é uma coisa muito boa. Existe, agora a possibilidade, de elucidar tudo isso daí”.

Na opinião de Neves, outra mudança importante da postura do governo estadual é que a possibilidade de o crime ter sido cometido por policiais militares está sendo tratada abertamente. “O próprio governo reconhece a possibilidade de [os culpados] serem policiais militares. Isso é sinal de que está prosperando a esperança para que se acabe com essa sina no estado”, acrescentou.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Bolsonaro preside hoje reunião de ministros no Palácio da Alvorada

INSCRIÇÕES FINALIZADAS

Enem: candidatos sem isenção têm até quinta-feira para pagar inscrição

PRESIDENTE DO STF

Toffoli diz que juízes devem zelar para que "pactos sejam cumpridos"

DIZ BOLSONARO

Reforma tributária será apresentada após aprovação da nova Previdência

Mais Lidas