Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

OSCAR QUIROGA

Confira o seu astral para esta quinta-feira

Confira o seu astral para esta quinta-feira
30/01/2020 04:00 - OSCAR QUIROGA


 

PROCURA POR TI

Procura por ti, mas cuida para que essa busca legítima não te transforme em mais uma alma ignorante, que anda por entre o céu e a terra, convencida de que não existe nada além de si mesma. Isso não é legítimo, e ainda que a tua alma resista a aceitar que essa seja a premissa de tuas formulações mentais, a de que não exista nada além de ti, quando afirmas que não existe nada parecido com uma verdade absoluta, porque tudo depende do ponto de vista e, por isso, todas as verdades relativas ao observador, com essa ideologia acabas afirmando que o Universo existe porque tu o percebes e nada além. Ridículo, mas é o que temos circulando por aí. Procura por ti, mas parte do princípio de que o que procuras não é a tua importância pessoal, mas a função que potencialmente sejas capaz de exercer para agregar algo ao Universo.

Áries 21/03 a 20/04
Nem todas as iniciativas que você tomar vai dar certo e isso é algo que você precisa ter em mente. Não se trata de metralhar a realidade com as suas iniciativas, mas de refletir antecipadamente para tomar as pertinentes.

Touro 21/04 a 20/05
A rica vida interior merece atenção e respeito e, nem sempre a alma a obtém, porque há milhares de outras coisas objetivas clamando por cuidado. Não importa, há tempo para tudo, agora foque mais na vida interior.

Gêmeos 21/05 a 20/06
É difícil despertar o espírito de grupo que faz as pessoas pensarem menos em si e mais no que poderiam realizar se caso colaborassem entre elas. Porém, todo esforço, nesse sentido, planta uma semente boa para o futuro.

Câncer 21/06 a 21/07
Foque no ambiente produtivo, este é um momento que, se aproveitado, pode trazer os avanços significativos para as questões que, anteriormente, era difícil colocar em marcha. Aproveite o momento e pise no acelerador.

Leão 22/07 a 22/08
A briga com o tempo é ingrata e é inglória, porque você sempre sairá perdendo. No entanto, a alma não entrega os pontos, continua se entusiasmando com mais ideias das que teria tempo disponível para realizar.

Virgem 23/08 a 22/09
Um pouco de insegurança, apesar de incômoda, vai fazer com que você tome atitudes mais cuidadosas, de modo a driblar os eventuais contratempos que surgirem e, além disso, para que não voltem a ocorrer.

Libra 23/09 a 22/10
Agradar todo mundo é virtualmente impossível, mas é uma atitude que a sua alma busca de forma constante. Procure não se aprofundar demais nesse movimento, mas navegar nos relacionamentos tentando consolidar os seus planos.

Escorpião 23/10 a 21/11
Depois de todo o barulho provocado pelos arroubos emocionais recentes, é preciso colocar ordem. É uma parte menos intensa e, vamos combinar, chata até. Porém, é essencial que haja a mínima ordem no cotidiano.

Sagitário 22/11 a 21/12
Sua alma precisa compensar as pressões e as opressões que os tempos recentes trouxeram, por isso a necessidade de se divertir. Faça isso sem pudor nem temor de perder tempo. Há algo importante vindo por aí.

Capricórnio 22/12 a 20/01
Seria melhor que você, antes de assumir os novos compromissos, desse fim positivo ao que está em andamento. Isso evitará que você enfie os pés pelas mãos assumindo mais responsabilidades das que seria capaz de dar conta.

Aquário 21/01 a 19/02
Enquanto os olhos da alma ficam concentrados em objetivos que não se encontram disponíveis de imediato, no ritmo cotidiano ocorrem coisas substanciais que seriam mais valiosas do que os grandes objetivos. É por aí.

Peixes 20/02 a 20/03
Um caminho fácil e simples produziria tédio em você com muita rapidez, isso é um fato. É importante que você esteja no meio de complicações, porque é desse caldo de cultivo que surgem as melhores oportunidades.

Felpuda


Dez vereadores da Capital mudaram de partido na tentativa de encarar a reeleição ou, dependendo do caso, disputar a vaga de vice-prefeito. Legendas foram “engordadas”, outras entraram em estado de inanição e outras ainda simplesmente sumiram do mapa. Que ninguém ouse perguntar a quem “trocou de camisa” qual a linha programática dos partidos em que agora estão filiados. Seria para eles, digamos, questão de pouca importância. Política tem dessas coisas...