Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

FOTOGRAFIA

Selva urbana, Hospital São Julião é reduto de animais silvestres na Capital

Roberto nasceu e cresceu no local e agora registra em fotos a fauna no entorno da instituição

26 JUN 19 - 07h:00NAIANE MESQUITA

Roberto Pellizzer tem 42 anos e em todos ele viveu no Hospital São Julião. Os pais, italianos, vieram para o Brasil atuar como voluntários na instituição de saúde e no local tiveram e criaram os cinco filhos. O carinho pelo lar que o acolheu, ele transformou em talento para registrar as riquezas naturais presentes todos os dias nos bosques do local. 
“Eu morei durante mais de 20 anos no Hospital São Julião e continuo trabalhando na parte administrativa do local. Eu nasci aqui, na década de 70, meus pais são de fora, italianos e voluntários e vieram trabalhar no hospital, onde eu morei também”, afirma Roberto.

A família Pellizzer tem uma relação de amor duradoura com o Hospital São Julião. Além dos pais de Roberto, outra irmã dele também trabalha no hospital. “Eu fui muito abençoado de crescer no São Julião, é um prazer muito grande e uma benção. Aqui é um lugar especial, poder entrar em contato com essa natureza, isso nos fortaleceu. Me sinto em uma fortaleza”, ressalta. 

Na fortaleza de Roberto há muita natureza, uma fauna rica e que rendeu milhares de fotos de mamiferos, aves e espécies consideradas raras na região, como Jaguarundi, uma espécie de Puma (Puma yagouaroundi), que também é conhecido como gato-mourisco,  um mamífero carnívoro da família dos felídeos nativo do sul da América do Norte, passando por todo o Brasil até ao norte da Argentina.

Apesar de não correr risco de extinção, é difícil avistar um tão próximo dos seres humanos. No Nordeste, a coloração do pelo costuma ser avermelhada, enquanto em Mato Grosso do Sul, ele apareceu na versão acinzentada. 
Para Roberto, o momento do registro ficou gravado na memória. “Foi no dia 14 de maio de 2018 e sem querer. Eu estava andando pelo local quando o avistei. Foi questão de segundos para fazer a foto e também consegui um vídeo dele”, relembra. 

Livro

Depois desse episódio, Roberto nunca mais viu o felino, mas alguns colaboradores do hospital relataram que ele continua nas redondezas. Assim como todos os animais do local, ele não deve ser incomodado. “Aqui sempre priorizamos a preservação ambiental. Não pode caçar, nem pescar, nós convivemos com os animais em harmonia”, ressalta. 

Com as fotos, Roberto criou um e-book que reúne as imagens mais marcantes que ele ja fez na região. “O livro chama Animais do São Julião. Conseguimos publicar alguns exemplares, mas ficou em e-book mesmo, porque são recursos próprios, familiares”, ressalta. 

Coruja-Murucututu olhando para a câmera é uma das preferidas de Roberto - Crédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto PellizerCrédito: Roberto Pellizer
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Paródia dos telejornais, programa de humor estreia nesta terça-feira
HUMOR

Paródia dos telejornais, programa de humor estreia nesta terça-feira

Projeto social que ensina balé para crianças está com inscrições abertas
ARTE

Projeto social que ensina balé para crianças está com inscrições abertas

Realities de culinária continuam prestigiados na grade da Band
CANAL 1 - FLÁVIO RICCO

Realities de culinária continuam prestigiados na grade da Band

Harry e Meghan deixarão título de 'alteza real' e de receber dinheiro público
FAMÍLIA REAL

Harry e Meghan deixarão título de 'alteza real' e de receber dinheiro público

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião