ACRE

Estudante transmite ao vivo morte<br> em rede social

Antes do vídeo, jovem publicou desabafos no Facebook
27/07/2017 09:54 - G1


 

A estudante Bruna Andressa Borges, de 19 anos, se suicidou e transmitiu ao vivo pelo Instagram, ontem (26) na Vila Militar, no Bairro Bosque, em Rio Branco. Antes do ato, Bruna também postou mensagens no Facebook em que se dizia machucada. Ela cursava o 3º período de ciências sociais na Universidade Federal do Acre (UFAC).

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado às 16h16, mas foi direcionado para o endereço errado. “A princípio, os amigos ligaram para que nós pudéssemos contê-la, mas passaram o endereço errado, que era onde ela morava antes de ter se mudado para a vila. E nesse local, ninguém sabia informar onde ela estava morando agora. Infelizmente, não chegamos a tempo de conter devido a esse desencontro”, explica o major do Corpo de Bombeiros, Cláudio Falcão.

A reportagem conseguiu entrar em contato com uma tia da menina que mora em Belém. Ela disse que ficou sabendo da notícia através de amigos da família. Os pais da adolescente registraram o ocorrido na Delegacia de Flagrantes (Defla).

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".