Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VIA STREAMING

Dica da semana: “O Profissional”

Filme de 1994 conta como até as pessoas mais isoladas ainda podem ter o coração mole
13/08/2019 09:42 - KREITLON PEREIRA, VIA STREAMING


 

O maior crime que um ser humano pode cometer é tirar a vida de alguém e realizar isso constantemente requer muito sangue frio. Para quem vive de matar os outros por encomenda, ter algum relacionamento pode ser terrivelmente perigoso. Por isso, boa parte dos clássicos matadores de aluguel são pessoas extremamente solitárias e reclusas. Para contar uma história peculiar sobre um desses assassinos, o aclamado diretor Luc Besson escreveu o roteiro de “O Profissional”, disponível para ser assistido na Netflix.

Na opinião de muitos, uma adaptação disfarçada de “Ranxerox” – uma anárquica história em quadrinhos italiana de 1978 que mostra um truculento ciborgue que vira uma espécie de “namorado postiço” de uma ninfeta rebelde –, a trama de “O Profissional” começa quando Mathilda (Natalie Portman), uma menina de 12 anos, fica órfã após sua família ser executada por policiais corruptos. Desesperada, a garota busca refúgio no apartamento do vizinho, Léon (Jean Reno), que trabalha como assassino de aluguel para a máfia italiana. Após esse encontro improvável, Mathilda insiste que seu novo responsável a ensine a matar para que ela vingue a morte dos familiares, e, depois de muita insistência da menina, os dois põem em prática um plano de ação. Com o passar dos dias, o relacionamento de Léon com Mathilda se intensifica. E Léon, que antes só tinha uma plantinha para lhe fazer companhia, agora tem alguém para cuidar.

“O Profissional” explora uma relação extremamente difícil de se abordar em um filme, e a originalidade da produção está justamente na dinâmica de Mathilda e Léon. Como a menina tem apenas 12 anos, a linha entre relacionamento familiar e amoroso é perigosamente tênue, e algumas cenas do filme mostram a fragilidade desse conceito. Além da ousadia do enredo, muito da aclamação do filme pela crítica se deve pela qualidade do elenco, em especial para Natalie Portman, que, anos depois, passou a figurar entre as melhores atrizes da atualidade. Com quase duas horas repletas de momentos de tensão, “O Profissional” é praticamente uma obrigação para se assistir no extenso catálogo da Netflix.

Curta a página da coluna “Via Streaming” no Facebook.

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!