Cidades
CAMPO GRANDE

Depois de 11 horas de trabalho de parto em casa, bebê morre

Doula, profissional que auxilia gestantes em parto, acompanhava a gestante

ALINY MARY DIAS E DANIELLE VALENTIM

14/12/2015 11:35

 

Um trabalho de parto que era realizado há pelo menos 11 horas terminou em tragédia no fim da manhã desta segunda-feira (14), em Campo Grande. Informações iniciais dão conta de que a gestante, de 32 anos, fazia um parto natural em casa, com auxílio de uma doula – profissional especializada no apoio durante o parto – e tudo acabou mal.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionadas pela família depois que o bebê nasceu sem sinais de vida, por volta das 11 horas de hoje, em uma casa no bairro Taquarussu. 

Houve tentativa de reanimação, mas a criança não sobreviveu. Perícia da Polícia Civil esteve no local no incidente e o corpo do bebê foi encaminhado pela funerária Nippon ao Instituto Médico Legal (IML).

A mãe foi encaminhada por uma equipe do Samu para o Hospital Regional de Campo Grande e deve passar por cirurgia. Nenhum parente quis falar com a reportagem.

De acordo com a delegada plantonista da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro, Priscila Anuda, o procedimento do parto foi realizado em cima de uma cama e a morte foi confirmada às 10h50.

A mãe e a doula, que é enfermeira, devem prestar esclarecimentos sobre parto realizado em casa. Caso será investigado.

(Matéria editada às 12h30min para inclusão de informações)