Terça, 21 de Novembro de 2017

sucessão estadual

Azambuja sinaliza candidatura
à reeleição após apoio de prefeitos

Governador começa a pavimentar caminho para 2018

20 SET 2017Por DA REDAÇÃO04h:00

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sinalizou intenção de concorrer à reeleição, em 2018, ao reagir à manifestação de prefeitos da Região do Bolsão em defesa da pavimentação da sua candidatura.

Surpreendido com a antecipação das articulações em torno do seu nome, o governador sentiu-se lisonjeado com o apoio dos prefeitos, reunidos em Paranaíba para jantar de confraternização, que contou ainda com a presença de deputados e vereadores. 

A ideia de Azambuja era abrir as articulações do seu projeto eleitoral depois do Carnaval de 2018. Mas não teve como escapar das declarações de apoio dos prefeitos.

Mesmo adotando a cautela, o governador já vem conversando nos bastidores com lideranças políticas de quase todos os partidos, inclusive do PMDB, do ex-governador André Puccinelli.

Em seu discurso, Azambuja destacou estar promovendo governo municipalista, pois foi prefeito de Maracaju e presidente da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul). Portanto, conhece muito bem as dificuldades de os prefeitos tocarem a administração, sobretudo, em fase de crise econômica. 

O discurso dos prefeitos de vários partidos foi centrado na candidatura à reeleição de Azambuja. Eles agradeceram os recursos empregados em obras de largo alcance social para Região do Bolsão.

Os investimentos do governo do Estado na região somam R$ 785 milhões, nas áreas de saneamento, infraestrutura, segurança pública, educação e saúde. Além dos prefeitos de dez municípios, dos deputados estaduais Beto Pereira (PSDB), Coronel David (PSC), Felipe Orro (PSDB) e Paulo Correa(PR) e de vereadores, outras lideranças defenderam a candidatura do governador.

*Leia reportagem, de Adilson Trindade, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

Leia Também