Quinta, 23 de Novembro de 2017

OPINIÃO

Valfrido M. Chaves: "Ego e seus ecos..."

Psicanalista

23 OUT 2017Por 01h:00

EGO... eco, eco, eco! Para o mal ou para o bem, parece que tudo é eco do ego! Assim, que vendavais sopraram no mundo interno de Hitler, de Stalin, para que matassem tantos milhões de pessoas de fome, em campos de concentração, fornos crematórios, execução em massa, delirando que assim estariam construindo um mundo mais justo, belo, democrático e próspero! 

Alemães, um povo culto, expoente da civilização ocidental, como caíram nessa barbárie do nazifascismo! Russos, sob o lema politicamente correto de “Pão, Paz e Terra”, sob a bandeira marxista-leninista, como trucidaram 30 vezes mais que Hitler e Mussolini, juntos! O nazismo foi varrido pela força das armas aliadas! O comunismo caiu de podre na Rússia e dezenas de nações do Leste Europeu, após fracassar em seus delírios de abundância e democracia grandiosos! 

É da história e só ignorância ou cegueira ideológica impedem ver tais fatos. Mas... E o ego coletivo desses que, encantados ou passivos, se permitiram ser dominados por aqueles flagelos da humanidade! Como isso se deu! Ruína e pavor coletivo que levaram aquelas coletividades a buscarem lideranças carismáticas, paranoides ou psicopáticas para a elas se submeterem, como crianças se submetem a um pai forte, para se protegerem!

Isso posto, leitor, o que poderia a história nos ensinar para atravessarmos as águas turbulentas de corrupção, propina, mentiras, cinismo, que fragilizam nossa jovem democracia! Estaria nosso ego coletivo tão assustado a ponto de nos submetermos a personalidades doentias e dominadoras, em busca de proteção! 

Nesse sentido, mau sinal é manifestação de cegueira moral e fanatismo dos que se negam a ver, perceber, reagir ao banditismo, à falsidade e ao cinismo de lideranças, para as quais, um dia, entregaram suas esperanças! Isso é muito claro nas hostes que, como zumbis de uma ideologia fracassada e brutal, abraçam o stalinismo com vestes de petismo! Preocupante, ainda, são as manifestações daqueles que, decepcionados, se manifestam claramente pedindo o fim da democracia e a intervenção militar na política, como se vivêssemos o tempo das diligências! Parece-me que essas duas hostes são irmãs no desprezo pela democracia e no desejo de submissão a regimes ditatoriais, com colorações ideológicas diferentes! 

Diante desses infelizes minoritários, está a maioria, que trabalha, produz e deseja dias melhores, sem pensar em muitas receitas, com mais bom senso que ideologia! É uma maioria que não está muito assustada e sem desejo de submissão a quem quer que seja. Que os anjos a protejam e guardem!

Leia Também