Quarta, 22 de Novembro de 2017

Usina antecipa esmagamento de cana em MS

8 FEV 2010Por 06h:36
A Usina Santa Helena, em Nova Andradina, antecipou o início do esmagamento da cana nesta safra, e começou a trabalhar na produção de etanol. Na noite de terçafeira ocorreu a queimada da palha dos canaviais nas fazendas Nova Orlâ nd ia, Santo Antônio e São Bento. A meta é processar 1,5 milhão de toneladas até o final do ano. E na madrugada de quarta- feira, homens e máquinas passaram a fazer o corte dos primeiros lotes de cana. “Iniciamos a safra de forma precoce por conta da grande área que temos plantada e isso vai nos possibilitar o término da colheita em dezembro”, explicou Oscar Rocha de Abreu, um dos diretores da usina. Neste início de colheita foram contratados cerca de 800 trabalhadores, sendo 500 para o corte e os restantes para outras funções na área agrícola. Foram plantados em torno de 19 mil hectares de cana, contando dois fornecedores independentes. A moagem prevista é de seis mil toneladas/dia. Os trabalhadores rurais, a maioria procedente das aldeias indígenas e dos Estados de Minas Gerais e Bahia, vão dividir o corte da cana na Santa Helena com quatro colheitadeiras, dentro do processo de gradativa mecanização da colheita.

Leia Também