Sábado, 18 de Novembro de 2017

Universidade divulga nomes de aprovados

13 FEV 2010Por 07h:13
A chuva que caiu na tarde de ontem não impediu que pelo menos 200 pessoas comparecessem ao campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) para conferir o resultado do Vestibular de Verão 2010. A partir de março deste ano, 3.125 alunos devem ingressar em um dos 68 cursos disponíveis nos 11 campi da instituição. O resultado foi homologado pela reitora Célia Maria da Silva Oliveira. Ao todo, 15.477 candidatos se inscreveram para concorrer às vagas. Os estudantes aprovados poderão efetuar a matrícula nos dias 23 e 24 de fevereiro, das 7h30min às 11h e das 13h30min às 17h, na secretaria acadêmica do curso escolhido. Aprovado no curso de Engenharia Florestal, Vinícius Borges, de 18 anos, que mora em Campo Grande, terá que preparar a mudança, já que irá estudar no campus da UFMS em Chapadão do Sul. “É muita emoção, não dá para explicar”, resumiu o calouro, explicando que antes do processo seletivo procurou estudar os conteúdos mais exigidos no curso escolhido, como matemática, química, física e redação. “Me matei de estudar ano passado, agora a sensação é ótima. Estou até tremendo”, contou nova aluna do curso de Medicina da instituição, Vitória Klein Marcondes, 17 anos. Nervosa, a estudante de Psicologia Juliana Ferreira não conseguia digitar os números no aparelho celular para avisar ao irmão Caio Ferreira, de 19 anos, que ele havia sido aprovado no curso de Arquitetura. “É indescritível”, relevou André Corrêa Fernandes, de 18 anos, referindo-se ao que sentiu ao saber que havia sido aprovado em 3º lugar no curso de Arquitetura. O jovem explicou que durante um ano fez intercâmbio na Alemanha e, quando retornou ao Brasil, teve apenas três meses para estudar antes de fazer o vestibular da UFMS. Aprovado em Medicina, Danilo Duncan Loureiro Pinheiro, 18 anos, revelou que agora está em dúvida porque passou para o mesmo curso em Porto Alegre/RS. “A gente estuda o ano inteiro e agora a sensação é inexplicável, mas ótima”, garantiu. Depois de ter visto seu nome na relação dos aprovados para o curso de Matemática, Cleverson Borges da Silva, 17 anos, afirmou que uma nova etapa começa em sua vida e que, a partir de agora, pretende estudar ainda mais para garantir um futuro melhor. Confiantes Convicta de que a estudante Mariana Albuquerque, de 19 anos, passaria no curso de Medicina, a família preparou com antecipação uma faixa para homenagear a jovem quando da divulgação da lista de aprovados. “Tínhamos certeza de que ela passaria”, contou a madrinha Celina Maria de Jesus, de 67 anos. Já Maria Auxiliadora Batista Albuquerque disse que sua filha Mariana se preparou durante dois anos até ser aprovada. “Ano passado ela ficou perto, mas agora deu certo”. Ogulhosa, Ana Cristina dos Santos Salgado era só felicidade ao contar que a filha Ariane Ripel Salgado havia sido aprovada em 10º lugar no curso de Medicina. O pai Antônio Ripel Salgado comentou que se sentia aliviado em saber que a filha não precisaria mais fazer cursinho pré-vestibular. “Agora é um novo recomeço”. Já Ariane revelou que a conquista veio após dois anos de estudos e vários vestibulares. “É difícil, mas não pensei em desistir”, afirmou. Sem tristeza O estudante Jordan Cristaldo, de 17 anos, tentou uma vaga no curso de Engenharia Elétrica da universidade, mas não passou. “Não fiquei triste, mas animado para continuar estudando e passar no próximo vestibular”, garantiu o aluno, explicando que pretende trocar a opção de curso para Engenharia de Produção.

Leia Também