Segunda, 20 de Novembro de 2017

Título da Libertadores alivia Celso Roth

20 AGO 2010Por 05h:34
Porto Alegre

A conquista da Libertadores visivelmente tirou um peso das costas de Celso Roth. Na entrevista coletiva após a vitória consagradora, o treinador mostrou-se aliviado com o fim do estigma que a falta de títulos trazia à sua carreira.
“Não sei se coube aos deuses do futebol fazer justiça, mas pode ser pelas coincidências. Felizmente tivemos a persistência para conquistar esse título”, afirmou.
Sem mostrar mágoa, o treinador admitiu incômodo com a falta de títulos antes da trajetória vitoriosa na Libertadores: “Incomoda, sempre incomoda. Porque a dimensão dos trabalhos feitos não é reconhecida. Interessa o fim, não os meios”.
Ao final, Roth brincou ao dizer que não sabia o que fazer com o carro zero-quilômetro que recebeu, prêmio oferecido por um patrocinador ao treinador campeão. “Não sabia que tinha esse prêmio, não sei o que vou fazer. O pessoal da organização me avisou que eu tinha um prêmio para receber. Eu disse ‘que prêmio?’. Me disseram que era um carro, agora vou ver o que fazer”, concluiu.
Quanto às atividades da equipe, os campeões voltam a treinar na tarde de hoje. Roth começará a encaminhar a equipe para o jogo contra o Atlético-GO, domingo, no Beira-Rio, pelo Campeonato Brasileiro. O time, provavelmente, será misto. Jogadores que sofreram muito desgaste contra o Chivas ou que já vinham com problemas clínicos, casos de Guiñazu e Tinga, dificilmente irão a campo. E o Inter já não terá o volante Sandro, que vai para o Tottenham, da Inglaterra.

Leia Também