Terça, 21 de Novembro de 2017

Suposto pastor protagoniza fuga cinematográfica

21 ABR 2010Por 10h:39
MICHELLE ROSSI E NADYENKA CASTRO

Elieser de Eliseu Simões, 29 anos, que se identificou como pastor à polícia, protagonizou na madrugada de ontem cenas cinematográficas de perseguição e tiros. Foram empenhadas oito viaturas na perseguição.

Segundo policiais do 1º Batalhão da PM, pouco depois da zero hora de ontem, Elieser foi visto trafegando com um Ford Focus, na contramão, na Rua Joaquim Dornelas, próximo à Avenida Salgado Filho, quando uma viatura solicitou que parasse. No entanto, ele acelerou o carro, dando “um cavalo de pau” e iniciando a fuga, em direção ao centro da cidade. Cruzou semáforos vermelhos e ruas preferenciais, sem parar. Os policiais dispararam tiros de advertência no veículo.

Do centro, o motorista seguiu para a Avenida Euler de Azevedo, onde uma viatura estava prestes a abordá-lo. No entanto, na contra-mão o suposto pastor tentou colidir contra o veículo da PM, obrigando os policiais a subir com o carro no meio-fio para evitar uma colisão. Com isso, a viatura ficou danificada. O motorista fugiu.

Por volta das 3h, outra viatura identificou o carro nas imediações da Avenida Ceará. Foram poucos metros de perseguição, até que Elieser desistiu e foi preso. Ele disse que tinha usado drogas e por isso fugiu. No carro foram encontradas uma lata e uma caixa de fósforo, objetos comumente usados para fumar pasta-base. Elieser possui antecedentes criminais e foi autuado por quatro crimes, todos afiançáveis. Foi arbitrada fiança de R$ 800. A mãe negou-se a pagar para libertar o filho, que, segundo ela, já a ameaçou de morte e a agrediu. Se a fiança não for paga, o suposto religioso ficará preso.

Leia Também