Sábado, 18 de Novembro de 2017

Sem atingir meta, vacinação contra a poliomielite encerra-se amanhã

8 JUL 2010Por 09h:58
anahi zurutuza

Termina amanhã a primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. De acordo com as secretarias de Estado e Municipal de Saúde, o Ministério da Saúde ainda não autorizou prorrogar o prazo de disponibilização da vacina, apesar de Mato Grosso do Sul e Campo Grande ainda estar abaixo da meta de imunização estabelecida pelo órgão. Por conta disso, autoridades alertam para que pais levem os filhos com idade entre 0 e 4 anos para tomar a dose até esta sexta-feira.
Até agora, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau), foram vacinadas 47.129 das 61.047 crianças de Campo Grande, ou seja, 77% da faixa etária. Já em Mato Grosso do Sul, conforme dados disponibilizados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), 180.270 pessoas de até 4 anos tomaram a dose, número que corresponde a 87% da população na faixa de idade. A meta para todos os estados e municípios do país é de vacinar 95% das crianças menores de 5 anos.
“Não há previsão se vamos poder prorrogar a campanha.  Por isso, é importante que pais levem as crianças dentro prazo, para evitar transtornos caso não ofereçamos as doses depois de sexta-feira”, afirma a chefe do Serviço de Imunização da Sesau, Erci Harumi Hirota.
Na Capital, a vacina está sendo oferecida nos 69 postos de saúde, sempre das 7h às 11h e a das 13h às 17h. A segunda etapa da campanha — quando crianças terão de tomar a segunda dose — está marcada para se iniciar no dia 14 de agosto.

Gripe
Também a vacina contra a gripe suína continua sendo oferecida nos postos de saúde da Capital. Não só para gestantes e população de 20 a 39 anos, grupos cuja meta de imunização ainda não foi atingida, também podem tomar a dose idosos, crianças de 6 meses a 5 anos, doentes crônicos, pessoas que forem fazer viagem ao exterior ou que tiverem recomendação médica.

Leia Também