Terça, 21 de Novembro de 2017

Schumacher admite ampliar carreira por mais dois anos

28 JAN 2010Por 22h:41
Muita gente desconfia de que, aos 41 anos de idade, Michael Schumacher possa mesmo guiar em alto nível na próxima temporada de Fórmula 1. Por outro lado, a confiança do piloto em sua forma física é tão grande que ele já especula permanecer em atividade mesmo ao fim de seu contrato com a Mercedes GP, em 2012. Em princípio, acreditavase que Schumacher assinaria um vínculo com a Mercedes por apenas um ano, mas na verdade o fez por três. Apenas isso o alemão já considera uma “grande mostra de confiança”, conforme assinalou ao jornal Bild ontem, mas a felicidade do heptacampeão mundial não para por aí. Assim ele vislumbra um compromisso até maior com a escuderia de seu país. “O melhor é que a Mercedes crê em mim e na possibilidade de termos êxito durante esses três campeonatos. Porém depois disso não tem que tudo estar terminado”, comentou, muito otimista quanto ao futuro. Antes de anunciar o fim da aposentadoria, Schumacher confirmou ter analisado cautelosamente toda a situação para saber se queria mesmo iniciar uma nova carreira ou se desejava regressar apenas em algumas corridas.

Leia Também