Sexta, 17 de Novembro de 2017

Saúde ainda tem 150 mil doses de vacina contra a gripe suína em MS

28 JUL 2010Por 05h:06
bruno grubertt

Mesmo após o período da campanha de vacinação contra a gripe suína, Mato Grosso do Sul ainda ficou com cerca de 150 mil doses de 1,2 milhão delas disponibilizadas pelo Ministério da Saúde ao Estado. O cálculo foi feito de acordo com dados fornecidos pela diretora-geral de vigilância em saúde da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Bernadete Lewandowski. Segundo ela, as vacinas ainda estão disponíveis em decorrência da baixa procura das gestantes e dos jovens de 20 a 39 anos, considerados os únicos grupos de risco em que a meta ainda não foi atingida.
Conforme antecipado pelo Correio do Estado, no mês passado, a SES resolveu ampliar a vacinação contra gripe suína. Para isso, destinou as doses para os núcleos regionais distribuírem aos 78 municípios do Estado e, agora, além dos grupos prioritários, qualquer pessoa pode se dirigir aos postos de saúde e ser imunizada.
De acordo com dados da SES, até ontem, 87% da população incluída nos grupos de risco já haviam se vacinado no Estado. O número é superior à meta estipulada pelo Ministério da Saúde, que era de vacinar 80% dos indivíduos dos grupos de risco. Entre as gestantes do Estado, 74,9% foram vacinadas e, no grupo de pessoas com idade entre 20 e 39 anos, 78,2% da população foram imunizados.
O trabalho de vacinação passa a ser feito com grupos de profissionais que lidam com o público e estavam fora dos grupos atendidos pela campanha, que terminou oficialmente no mês passado. “Vamos vacinar aqueles que tem mais contato com o público, como professores e bombeiros”, afirmou Bernadete Lewandowski. Segundo ela, “não haverá sobra de vacina”, porque todas as doses serão aplicadas em quem procurar os postos de saúde. “É claro que se chegar uma gestante e outra pessoa que não é do grupo de risco para se vacinar, vamos dar prioridade para a gestante”, esclareceu.
Em junho, o Ministério da Saúde já havia recomendado que a Secretaria de Estado de Saúde prorrogasse o prazo de vacinação a fim de atingir a meta.

Leia Também