Sábado, 18 de Novembro de 2017

Presos contabilista, policial federal e fiscal da Receita

31 JAN 2010Por 07h:47
Um agente da Polícia Federal, um fiscal tributário e um contabi l ista mu ito con hecido em Dourados, foram presos em flagrante no início da noite de sextafeira, quando recebiam R$ 12 mil da extorsão de um empresário. O delegado federal Bráulio Cézar Galloni, de Dourados, confirmou as prisões. Ele disse ao Correio do Estado que segunda-feira está prevista a divulgação de nota oficial a respeito do fato. Por enquanto o nome dos acusados e da vítima estão sendo mantidos em sigilo. Fontes não oficiais disseram que os dois servidores teriam armado um esquema para exigir R$ 50 mil do empresário sob a alegação de que ele seria sonegador de impostos. Teriam feito ainda ameaças de acusá-lo por suposto depósito de éter que ele estaria mantendo escondido em uma de suas empresas. Em princípio, o empresário afirmou que pagaria o dinheiro, mas decidiu negociar justificando que o valor era muito alto. Com a intermediação do contador, o policial federal e o servidor da Receita teriam concordado em receber R$ 12 mil. Flagrante A vítima, de acordo ainda com as informações extraoficiais, marcou a entrega do dinheiro para a noite de sexta-feira, mas antes teria comunicado o caso a Polícia Federal que colocou uma equipe para acompanhar o encontro do empresário com os acusados da extorsão. No momento do repasse do dinheiro os três receberam voz de prisão.

Leia Também